29 de Janeiro de 2014 em Geral

“CURA DOR”
UM REMÉDIO CURA DOR

Mora num jardim secreto
Numa ilha deserta
Numa trilha de verde coberta
Num arco-íris de concreto

Vem num frasco transparente
Um remédio cura DOR
Para o mal incandescente
Da falta de amor

São capsulas verdinhas
Esperanças de alegria
Num rosto de menininha
Meu sorriso Sedutor!

(In MENINAS SUPER POÉTICAS II, de Liz Rabello, 
Editora Beco dos Poetas – página 61, 2012)

Comentários no Facebook

Pular para a barra de ferramentas