Você está no arquivo de Poesia Archives - Beco dos Poetas - Rede Social Literária.

Noite fria de Outono

13 de junho de 2017 em Poesia

Era noite fria de Outono,

ela se abrigou em mim

e eu me abriguei nela,

imergimos nas profundezas

de um sentimento onírico…

então o ônibus veio, e ela partiu.

Caso a loucura fosse uma pessoa

10 de junho de 2017 em Poesia

Caso a loucura fosse uma pessoa,
ela seria minha melhor amiga,
cativante, divertida e sedutora
em seu jeito abstrato de ser.
Enquanto, por outro lado,
a sanidade sempre tão sã…
eu nunca me ative à ela,
tão cheia de si, e certezas…
sou alguém que deseja por
não ser apenas um outro
divagando entre os jardins
deste hospício de sanidade,
nadando contra a corrente,
voando contra o vento,
sou um tipo de Caixeiro-viajante,
imutável metamorfose ambulante.

No universo verde dos seus olhos

5 de junho de 2017 em Poesia

Por baixo desse exterior invernal,
existe a chama ardente de uma fogueira
que invoca o espírito xamã, e pode fazê-la
ascender aos céus mais uma vez…

no universo verdes dos seus olhos,
eu enxergo vidas e sonhos,
oceanos que ao horizonte, tocam o sol,
a beleza dentre as coisas mais belas,

é como se caminhássemos para longe
das luzes artificiais, onde a poeira
dos arranha-céus não toque o ar,
pudéssemos deitar sobre a relva,

com os olhos de uma criança
tão carregados de esperança,
olhar acima da neblina contida
e apontar infinitas possibilidades.

Gaudério eu sou…

5 de junho de 2017 em Geral, Poesia

Gauderiando pela minha Pampa AMADA…
As vezes cruzo pela ESTRADA…
Com alguma china mal AMADA…
E quando cai na minha PEGADA…
Fica logo ENRABICHADA…
E não quer me largar por NADA…
Pois este é o meu DEFEITO…
De fazer tudo DIREITO…
E nunca de qualquer JEITO…
Pois tenho fama de bom SUJEITO…
De fazer tudo ao CONTENTO…
É o orgulho que trago no PEITO…
Por ser correto e PERFEITO…
Muitos podem até PENSAR…
Que estou a me VANGLORIAR…
Mas este método de AMAR…
É simplesmente CAPRICHAR…
E também muito VALORIZAR…
Quem nos meus braços PASSAR…
Carinho e amor é o que sei DAR…
Sei sorrir e quando CHORAR…
Mesmo sendo safado sei quando RESPEITAR…
Sérgio o Cancioneiro

Nossa história…

5 de junho de 2017 em Geral, Poesia

Na minha história tem um pouco da tua história, se não fosse nossa história, eu não teria uma história tão linda na vida.
Sérgio Cancioneiro

Errando que se aprende…

5 de junho de 2017 em Geral, Poesia

Os meus erros e atrocidades do passado, sei que muitos esqueceram, e também não significaram nada. Mas pra mim teve uma grande evidência, pois foi com eles que aprendi a me tornar mais sábio, inteligente, coerente e consequentemente considerar todos os meus semelhantes.
Sérgio Cancioneiro

Filho de Deus…

5 de junho de 2017 em Geral, Poesia

Quando acreditei que Deus existia e o aceitei no meu coração, me tornei mensageiro, da cura, da restauração, da transformação, do perdão, da proteção, do descanso, da justificativa, da ajuda, da vida e do amor. Assim pude ser chamado de filho de Deus.
Sérgio Cancioneiro

Musa!

5 de junho de 2017 em Geral, Poesia

Eu te usei nas minhas canções,
Eu te usei nos meus versos,
Eu te usei nas minhas poesias,
Pois viestes nos meus sonhos,
E vive nos meus pensamentos,
E te guardo no meu coração.
E também em meu silêncio.
Sérgio Cancioneiro

Tua fé! Tua capacidade…

5 de junho de 2017 em Geral, Poesia

Tua fé, tua crença em Deus! Em acreditar que tudo é possível, não resolvem tuas dificuldades, teus problemas! Mas sim, tua capacidade e tua perseverança.
Sérgio Cancioneiro

Pular para a barra de ferramentas