ITABUNA, TERRA AMADA, de Eglê

4 de janeiro de 2014 em Geral

ITABUNA, TERRA AMADA!

Abrasem em ternos odes, almas e corações,

Brilhando a gratidão na vida Grapiúna,

E desçam sobre ti, amada Itabuna,

As graças divinais de luzes e canções!

Teu povo te cumule de bênçãos e orações

E honre a tua dádiva de força e esperança

Em tempos de agrura, retome a confiança,

E resplandeçam fortes perdidas emoções!

Terra de luta e brio, que venham os albores

Restituindo  encantos, perfumes e louvores

A restaurar-te o seio infértil, tão cansado…

E à vida então retorne teu ventre fecundado,

A sacudir-te em êxtase e devolver-te amores,

E voltem a vicejar, no teu jardim, as flores!
Poetisa: Eglê Santos Machado
Poesia publicada no livro”Meninas Super Poéticas- Vol IV”
Editora Beco dos Poetas – 2014.

Comentários no Facebook

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Pular para a barra de ferramentas