• Rio Grande velho de guerra,
    O berço dos Farroupilhas,
    Sou cria desta terra,
    Percorrendo várias trilhas,
    Enfrentando obstáculos,
    Sem medo nenhum de encarar,
    Assistindo muitos espetáculos,
    Mas quem sou eu pra […]

  • Obrigado Patrão Velho,
    Por conceber-me a condição,
    De trilhar minha estrada,
    Em busca de meus ideais,
    Seja qual for o destino que me espera…
    Sérgio o Cancioneiro

  • Não deu certo, mas te amei, tentei e não consegui,
    Descer do carro com estilo, porta aberta pelo segurança,
    Roupas caras, caminhar com postura, ambiente de luxo,
    Sorrir com elegância, sentar à mesa sem come […]

  • Liberdade, solidão, fuga,
    Esse é um vício meu,
    Andar por caminhos,
    Buscando carinhos,
    E o que um dia foi teu,
    Entregar à alguém,
    Nem que eu vá além,
    Dos meus limites,
    Repudiando convites,
    De quem não me […]

  • Sou sensível, presa fácil, me doo por inteiro,
    não sei lutar contra as tempestades sentimentais,
    sou sempre derrotado nas batalhas do amor,
    não que minhas armas sejam fracas, é que eu só enfre […]

  • Quero aqui deixar um recado,
    Pra quem fala que eu não presto,
    Inveja e falsidade é tudo que detesto,
    Mas empurro com a barriga,
    Pois quase toda essa intriga,
    Cada vez me fortalece,
    Com isso minha fama c […]

  • Valorizo quem me dá valor,
    Correspondo, quem me corresponde,
    Sou amigo, de quem é meu amigo (a),
    Meu sorriso, pra quem sorri pra mim,
    Minha lágrima, pra quem chora comigo,
    Meu abraço, pra quem precisa dos meu […]

  • O bilhetinho….
    Porque fizesses comigo, o que eu jamais te faria,
    Se querias terminar, eu até compreenderia,
    Vem dizer que não me quer, vem me dar uma solução,
    Se não eu continuarei, a esperar-te em vão, […]

  • Eu quero ser para os meu amigos e amigas o que eles (elas) querem realmente de mim ! Simplesmente um amigo.
    Sérgio Cancioneiro

  • Sérgio Cancioneiro escreveu um novo post, Filha… 1 mês atrás

    Filha! Te coloquei no mundo, te registrei, te dei meu nome, mas não sou teu dono. Por tanto não deixe que ninguém te condicione, te impõe, e te obrigue a nada, não sejas cozinheira, faxineira, lavadeira, e obje […]

  • Que adianta respeitar amigos de serviço, amigos de rua, amigos de bar, amigos de futebol, amigos de pescaria, amigos de fuzarca etc…Enquanto que na sua casa aqueles que merecem mais respeito, que são a sua f […]

  • Há quem acenda uma vela, pedindo à determinado santo o amor da sua vida, mas não vai atrás, e nem faz por onde acontecer.
    Há quem acenda uma vela, implorando saúde, mas não vai ao médico para uma consult […]

  • Quando se quer um emprego, basta simplesmente procurar, lembro que alguns anos atrás em que era difícil se conseguir serviço na minha região, saí pela manhã somente com um café e pão com margarina. Passei o dia i […]

  • Antes de você sentir inveja de alguém, relaxe, pense, procure se encontrar, se achar, e nessa análise você descobrirá a sua superioridade em relação ao seu alvo.
    Sérgio Cancioneiro

  • De bem com a vida! Coração saudável…
    Quando percebi que meu coração, necessitava de tranquilidade, serenidade e paz, exclui da minha mente fatos relacionados à: Futebol, religião e política. E acresce […]

  • Solidão é um sentimento de vazio e isolamento, mas para alguns tem solução, através da comunicação estabelecida que se encontram disseminadas nas redes sociais pela internet! Por tanto não fiquem assim, saia de […]

  • Faça… dos teus braços minha fortaleza,
    O meu refúgio em tua beleza,
    Do teu olhar a estrela guia,
    Dos teus lábios a melodia,
    Sussurrando em meu ouvido,
    Por que eu ando tão perdido,
    Nesse mundo em desa […]

  • Sérgio Cancioneiro escreveu um novo post, Chuva… 1 mês atrás

    Chuva que nos faz amar,
    Chuva enquanto o amor acontece,
    Chuva que nos faz repousar,
    Chuva em que a gente adormece,
    Chuva que vai nos lembrar,
    Amar com chuva não se esquece…
    Sérgio o Cancioneiro

  • Meu Rancho Velho Tapera,
    Tua história nunca finda,
    Me lembras quando eu trazia,
    Baldes de água da cacimba,
    Lenha cortada a machado,
    Eu carregava nos braços,
    Fazia tudo brincando,
    Sem nunca sentir ca […]

  • Velho Chico carreteiro pela estrada empoeirada,
    Com as marcas da velhice com suas mãos calejadas,
    Com os seus cabelos brancos com a visão ameaçada,
    Chico velho trabalhou tanto mas não conseguiu quase nad […]

  • Carregar mais