Nota do ENEM baixa: O que fazer agora?

Para quem quer começar um curso superior, o método mais utilizado é o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Isto porque o sistema do Enem dá acesso a diversos programas que permitem ingressar em uma graduação.

Mas e quanto a quem tirou nota baixa, o que é possível fazer? Se você não se saiu tão bem na avaliação, ainda existem algumas opções que você pode conferir. Veja quais são elas a seguir:

Não passei: e agora?

Os estudantes que participam do Enem podem se inscrever, se estiverem de acordo com os requisitos, no Sistema de Seleção Unificada (SISU) e no Programa Universidade Para Todos (PROUNI).

Esses sistemas são respectivamente responsável pela distribuição e vagas da rede pública e da rede privada. O problema é que por apresentar condições facilitadas para os estudantes, as vagas disponíveis são muito concorridas.

Os candidatos precisam superar a nota de corte do SISU e do PROUNI, para um dos dois cursos selecionados na plataforma de inscrição. Essa nota pode variar bastante de um curso para outro.

E o que acontece com quem não conseguiu ficar acima dessa média?

Bem, os estudantes que participaram do Enem ainda tem duas opções. A primeira delas está relacionada as vagas remanescentes SISU 2020assim como as do PROUNI.

Essas vagas são referentes ao não preenchimento das bolsas, seja por desistência ou eliminação de outros candidatos. Sendo assim, o estudante que ficou bem próximo de conseguir a sua vaga, pode entrar na fila de espera e ser selecionado pela chamada remanescente.

A outra opção é aguardar o próximo semestre, do meio do ano, para inscrever a sua nota. É a chamada “segunda entrada do Enem”, em que os candidatos se inscrevem para novas vagas com a mesma nota.

Esse segundo semestre do SISU e do PROUNI tende a ser menos concorrido, afinal, os estudantes já optaram por outras opções de programas oferecidos.

Existe outra opção?

Se as opções acima não condizem com as suas expectativas sobre a universidade, saiba que você pode conseguir um bom desconto através do programa Educa Mais Brasil.

Você não precisa, necessariamente, realizar o Enem para conquistar uma bolsa pela inciativa, mas ter participado do exame pode garantir a dispensa do vestibular tradicional da instituição de sua escolha.

As vagas são ofertadas através da plataforma digital do Educa Mais Brasil e a inscrição é bem simples. Acesse o site e confira as opções para a sua cidade.