PRECISO, de Marcia Portela

4 de janeiro de 2014 em Geral

 

Preciso amar
Em versos mudos,
Ser página em branco,
Recolher suas lágrimas
Para que seja minha tinta…
Imprimi-las no papel
Para que leias…
Serão letras delicadas,
Matizadas de violeta
Para um poema melancólico
Que seduzam no escuro.
E sua  mente as vistam de
Carne e erotismo…
Estarei à sua espera,
Desenhando sonhos
Em suaves arabescos,
Doces quanto suspiros
Em saudades, que parecerão
Se estender como o deserto…
Com versos de tempo vencido
De quem amou demais
E escreveu o amor como há muito
Não se via nas entrelinhas
De um poema.
 Poetisa:Marcia Portela


Poesia publicada no livro”Meninas Super Poéticas- Vol IV”

Editora Beco dos Poetas – 2014.

Comentários no Facebook

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
Pular para a barra de ferramentas